Home / Notícias do Mercado / E-commerce brasileiro espera faturar 49,8 bilhões em 2015

E-commerce brasileiro espera faturar 49,8 bilhões em 2015

Se o ano de 2014 já havia sido de expressivo crescimento para o e-commerce nacional – 27% em relação a 2013 – 2015 deve ser ainda melhor. A previsão da ABComm – Associação Brasileira de Comércio Eletrônico – é de que o setor movimente 49,8 bilhões este ano, o que significaria um crescimento de 26% em relação aos 39,5 bi de 2014.

O e-commerce vive uma fase de crescimentos e recordes consecutivos. A Black Friday de 2014 movimentou 1,3 bilhões de reais, número que é simplesmente 71% maior que no ano de 2013. Para a super sexta de ofertas deste ano a perspectiva é de faturamento na casa dos 2 bilhões. Nas vendas do Natal passado também houve crescimento, 27% no comparativo com 2013.

Analisando em número de entregas, segundo dados da Total Express, o volume de encomendas entregues em 2014 foi 51% maior que em 2013. Segundo a E-bit foram registrados mais de 103 milhões de pedidos.

Para Maurício Salvador, presidente da ABComm, o franco crescimento do varejo eletrônico mesmo com o período de recessão da economia deve-se, principalmente, aos preços mais competitivos que os e-consumidores podem encontrar:

“Apesar da desaceleração da economia, o e-commerce se manteve em alta, e uma das razões é a oferta de preços mais baixos praticados em relação ao varejo físico” – afirma.

Salvador ainda afirma que a migração de diversos serviços para o Mobile Commerce, o e-commerce a partir do celular, deve impulsionar e setor.

“A maior utilização do celular deve incentivar a categoria de serviços online, como viagens, alimentos e ingressos, e assim impulsionar o comércio eletrônico nacional”.

O ano de 2014 fechou com 57 milhões de e-consumidores – 28,5% da população brasileira – sendo 10 milhões de novos consumidores. As categorias de moda e acessórios, eletrodomésticos, saúde e beleza, eletrônicos e informática, foram as de maior destaque no período.

Veja Também:

crescimento ecommerce 2016

E-Commerce deve crescer 8% em 2016, diz E-bit/Buscapé

Segundo pesquisa WebShoppers, realizada por unidade especializada do Buscapé, o setor deve movimentar R$ 44,6 …